"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

domingo, 4 de junho de 2017

Mientras tanto... en las calles de Buenos Aires... "Puta pero no tuya"... Ou: mais confusas do que cego em tiroteio... (Vergafobia?)


2 comentários:

  1. http://veja.abril.com.br/saude/por-que-e-como-elas-decidiram-ingerir-a-propria-placenta/

    ResponderExcluir
  2. http://brasil.elpais.com/brasil/2017/06/08/internacional/1496945706_982556.html

    ResponderExcluir